Arquivo da tag: arc r10

Brasileiro EP 2015: Fabrício Zamperetti ganha tudo e mantém a hegemonia ARC & LRP !

Fabrício Zamperetti: Campeão Stock e ModifiedA AARC do ABC recebeu os campeonatos nacionais de 1:10 em 2015. Começando no final de julho com as categorias de carros elétricos, a pista localizada em Sando André-SP contou com 4 categorias em um dos maiores eventos de EP dos últimos anos. Além da maior categoria do momento, a 10.5T Blinky, o evento também coroou os campeões brasileiros nas categorias Fórmula, Clássicos 17.5T e Turismo Modified.

Pista cheia, tudo perfeito, no entanto o clima não ajudou e a chuva prejudicou os treinos e todas as tomadas de tempo que seriam realizadas no sábado. Para que o evento pudesse acontecer foram feitas algumas alterações de cronograma e regras e as disputas finalmente aconteceram no domingo.

Categoria F1

Sem surpresas Lissandro Hossoda fez a pole e liderou as 2 finais de 15 minutos de ponta a ponta. O pódio foi completado com Flavio Fatinanzi que decidiu participar do evento de última hora e Paulo Martins.

Campeão: Lissandro Hossoda – CRC / LRP
Vice-Campeão: Flavio Fatinanzi – T.O.P / LRP
3º lugar: Paulo Martins – VBC Racing
Pódio BR EP - F1

 

Categoria Clássicos 17.5T

Na categoria das bolhas mais charmosas, as disputas foram intensas e as finais foram marcadas pela má sorte dos melhores colocados nas tomadas de tempo e grande recuperação do pelotão que vinha atrás. João Hélio alinhou na pole position, mas com diversos problemas mecânicos ficou de fora da disputa pelo título. O duelo pelo campeonato ficou entre Flavio Fatinanzi e Rafael Lima, com Rafael completando o pódio. Paulo Martins fechou na terceira colocação garantindo mais um caneco no evento.

Campeão: Rafael Lima – ARC / LRP
Vice-campeão: Flavio Fatinanzi – ARC / LRP
3º lugar: Paulo Martins

Pódio BR EP 2015 - 17.5T Clássicos

 

Categoria 10.5T Blinky

Fabrício Zamperetti fez uma tomada de tempo perfeito e garantiu a pole position seguido de perto por Dennis Pickthall e Cesar Salvadori. Nas finais Fabricio  se aproveitou da pole e venceu 2 das 3 provas, garantindo o título, seguido por Dennis, vencedor da final 2, e Cesar que obteve 2 segundos lugares.

Campeão: Fabricio Zamperetti – ARC / LRP / Blitz GSF
Vice campeão: Dennis Pickthall – Yokomo / Orca
3º lugar: Cesar Salvadori – ARC / LRP / Blitz GSF

Pódio BR EP 2015 - 10.5T Blinky

 

Categoria Modified

Na mais rápida de todas as categorias e com o grid de mais alto nível, Fabrício não tomou conhecimento dos adversários e garantiu a pole com autoridade liderando todas tomadas de tempo. Na primeira final Cesar Salvadori surpreende e vence largando na 6ª posição. Na segunda prova final Fabricio faz uma corrida limpa sem ser ameaçado na liderança e vence seguido por Cesar e Dennis Pickthall. Na última e decisiva final o título estava aberto entre Fabricio, Dennis e Cesar; Fabricio e Dennis partem na frente e Cesar saltando de 6º para 3º logo deixa a disputa com um pneu estourado. Após um grande duelo protagonizado por Dennis e Fabricio, quem levou a melhor foi Fabricio com uma ultrapassagem nos momentos finais da Final 3.

Campeão: Fabricio Zamperetti – ARC / LRP / Blitz GSF
Vice campeão: Cesar Salvadori – ARC / LRP / Blitz GSF
3º lugar: Dennis Pickthall – Yokomo / Orca

Pódio BR EP 2015 - Modified

 

Apesar da chuva e das confusões, foi um grande evento, de aprendizado para todos, sendo a primeira vez que realizamos um campeonato com pneus e aditivos controlados.

Destaque para o chassi ARC R10 e eletrônica (ESC, motores e baterias) LRP Electronic, que venceram o campeonato brasileiro pelo terceiro ano consecutivo, e em 2015 vencendo em todas as categorias!! Que venha 2016, com nossa equipe tentando manter o tabu! =D

Confiram abaixo algumas fotos da equipe no evento (créditos das fotos: Adriano Berton – Berton Shots,  contato berton@gmx.com ):

Setup ARC R10 – Pista APPA by Fabricio Zamperetti

r10_2015_ATS_setup-APPA-24-MAIO-2015-FabricioSetup desenvolvido por Fabricio Zamperetti na última prova realizada na pista APPA, em 24/05/2015, fazendo a melhor volta prova.

Clique no link abaixo parta baixar o setup em formato pdf:

r10_2015_ATS_setup APPA 24 MAIO 2015 Fabricio

Setup ARC R10 – 29/03/2015

Setup utilizado por Cesar Salvadori na 1a Etapa do campeonato da pista AARC do ABC.

Pista com ótimo grip, condições climáticas impediram mais testes comparativos. Foi utilizada a suspensão traseira ATS opcional, com resultado muito satisfatório, porém sem base para comparação com a suspensão original, uma vez que não foi possível testa-la.

Primeira corrida com a configuração 10.5 Blinky, nenhum teste realizado, apenas segui o que a equipe LRP utilizou no campeonato europeu de 2014, e o resultado foi bom.

Foram utilizados 2 cooling fans Team Titan para resfriar o motor. Um de 30x30mm na frente do motor, e um de 40x40mm atrás do motor. Após as baterias o ESC apontava 7 picadas no teste de temperatura do motor, o que indica 15ºC abaixo da temperatura limite. A temperatura na carcaça do motor variava entre 94 e 100ºC. O ajuste de timing do motor foi de 42.5º (insert de 27.5º montado invertido)

A firmware utilizada no ESC LRP Flow foi a V5.4, com o setup padrão de fábrica, futuramente testaremos os parâmetros de initial drive e outras opções de freio.

*** Correção: barra estabilizadora dianteira = 1.0mm 

Clique no link abaixo para baixar o setup em formato .pdf:
R10-2015_29-03-2015-AARC

Clique abaixo para visualizar em formato .jpg (Para visualizar em tamanho grande, clique com o botão direito do mouse e abra o link em uma nova guia/aba/janela. Neste arquivo o campo de notas estará incompleto, podendo ser visualizado por completo somente no arquivo .pdf):
Setup ARC R10 - AARC (29/03/2015)

1ª Etapa AARC 2015, ARC R10 estreia com o pé direito!

Pilotos da 1ª etapa AARC

No último final de semana (29/3) foi realizada a primeira etapa do campeonato da AARC do ABC, em Santo André, SP. Infelizmente a chuva encurtou o evento, mas a atividade na pista foi intensa.

Com 17 pilotos, a categoria 10.5 Blinky foi a que recebeu o maior número de participantes e contou com a relização das tomadas de tempo e de um round final somente devido a chuva que deu fim à prova.

Estreando o chassi ARC R10 2015, Cesar Salvadori conseguiu fazer a pole com menos de 0.2s a frente de Dennis Pickthall.
No round 1 das finais, Cesar conseguiu imprimir um ritmo fortíssimo, vencendo o round com boa vantagem, Dennis Pickthall e Fabricio Zamperetti completaram as 3 primeiras posições.

Resultado final da categoria 1:10 Elétrico 10.5 Blinky:
1º Lugar: Cesar Salvadori – ARC R10 / LRP
2º Lugar: Dennis Pickthall – Yokomo / Orca
3º Lugar: Fabricio Zamperetti – ARC R10 / LRP

A chuva veio pra ficar, encerrando a etapa prematuramente após o primeiro round das finais da categoria elétrico. As categorias Nitro Sport e Racer tiveram apenas a realização de tomada de tempo.

Pódio cat. Sport

Na categoria Sport, Dinho “Plaza” conquistou a pole, seguido por Daniel e pelo garoto Enrico Giannetti, que veio de Americana conhecer a pista e garantiu um troféu logo na estreia.
Resultado final da categoria 1:10 Nitro Sport
1º Lugar: Dinho Plaza – Xray / ?
2º Lugar: Daniel – Mugen / O.S. Speed
3º Lugar: Enrico Giannetti – Xray / Novarossi / Contact Tyres

Na categoria Racer, muitos erros tiraram os pilotos mais rápidos das primeiras posições. Fabricio Zamperetti (KM Racing / O.S. T1201) vinha com um pace de TQ tranquilamente, porém após um erro acabou forçando demais o ritmo para recuperar-se e quebrou a suspensão de seu carro após uma batida forte, não completando a tomada. Rafael Lima (KM Racing /  O.S. T1201), aproveitou toda a cavalaria de seu novo motor e cravou a melhor volta do dia em 16.228s, mas também cometeu erros ficando de fora das primeiras colocações. Quem não errou se deu bem e Flavio Fatinanzi conquistou a pole, seguido por Rafael Borba e Fabio Mencarelli, resultado que valeu a etapa devido a não realização das provas finais por conta da chuva.

Pódio Cat. Racer

Resultado final da categoria 1:10 Nitro Racer

1º Lugar: Flavio Fatinanzi – Xray / Novarossi / Contact Tyres
2º Lugar: Rafael Borba – Mugen / O.S. Speed / ?
3º Lugar: Fabio Mencarelli – KM Racing / O.S. Speed / ?

O campeonato continua……restam mais 4 etapas, a próxima está marcada para 26/04. Mais informações em www.aarcdoabc.com.br

Confiram mais fotos do evento em www.facebook.com/aarcdoabc 

Crédito das fotos: Adriano Berton – berton@gmx.com (fotógrafo profissional)

Setup ARC R10 – CAAR (Curitiba, PR) 27/07/2014

Setup utilizado pelos pilotos Cesar Salvadori e Fabricio Zamperetti no campeonato brasileiro elétrico Superstock 2014.

Carro perfeito com os pneus do evento (Sweep 35 D65), sem qualquer ressalva a ser feita. Extremamente recomendado para a pista!

Para abrir o arquivo de imagem em tamanho máximo, clique com o botão direito do mouse e em seguida escolha abrir em outra aba ou guia:

R102013_CAAR_27-07-2014

Campeonato Brasileiro EP 2014: ARC R10 & LRP mantém o título!

Pilotos participantes do campeonato brasileiro EP 2014A pista CAAR, em Curitiba-PR, recebeu entre os dias 24 e 27 de julho, pilotos do sul, sudeste e nordeste do país para a realização do campeonato brasileiro 2014. das categorias 1:10 elétrico “Clássicos” e “Superstock”.

A equipe ARC / LRP foi representada pelos pilotos Lincoln Almeida-PR, Lucio Salowicz-SP, Cesar Salvadori-SP, Nilton Araujo-RJ e Fabricio Zamperetti-SP.

Pista limpa e preparada, paddock reformado, tudo perfeito exceto pela chuva que não deu trégua na 5ª feira, fazendo com que as atividades iniciassem apenas na 6ª feira. Com as tomadas de tempo e finais previstas para sábado e domingo, os pilotos aproveitaram a sexta-feira até a noite para conhecer melhor o traçado e finalizar os ajustes de carros, ESC e motor.

Carros da categoria clássicosA categoria Clássicos contou com um pequeno número de competidores, mas desfilou seu charme com as bolhas de carros antigos personalizadas. As tomadas de tempo foram bastante disputadas, com vários pilotos ganhando um round de qualificação, mas a pole ficou com o piloto Curitibano Otávio Langowski.

 

A categoria Superstock contou com 24 pilotos, um bom grid mas menor do que o esperado devido a ausência de vários pilotos que não puderam comparecer de última hora. O treino cronometrado mostrou um grande equílibrio entre os pilotos, mas no decorrer dos rounds qualificatórios, o piloto Cesar Salvadori acabou encontrando um melhor balanço do carro para a aderência da pista e cravou a pole em todos os 6 rounds, alinhando seu carro no primeiro lugar do grid das finais.

FINAIS

As finais da categoria clássicos foram bastante movimentadas, com muitos acidentes modificando as posições, no final, o piloto Otávio Langowski garantiu o título, seguido por Marcelo Daud, o mais constante dentre os pilotos mas que sofreu com uma queima de ESC e não conseguiu mais obter a mesma performance do motor com o ESC utilizado na corrida. O pódio foi completo pelo menino João Manoel Almeida, que brigou várias vezes pela liderança das provas mas cometeu alguns errinhos, terminando o campeonato na 3ª colocação.

As finais da categoria superstock sofreram 2 cancelamentos de prova devido à problemas na cronometragem. Quando a primeira de três finais rolou do começo ao fim, o piloto Dennis Pickthall colocou fogo na disputa, vencendo a primeira prova seguido por Cesar Salvadori.
Na final 2, apesar de largar na pole, Cesar tinha toda a pressão sobre si, pois qualquer vacilo poderia ser o fim das chances de vencer o campeonato. Já na largada Dennis fica pra trás pois não conseguiu fazer as voltas de aquecimento, Cesar lidera com boa vantagem até o final, levando a decisão do título para a terceira final.
Na final 3, com um set de pneus novos, Cesar consegue largar e imprimir um ritmo fortíssimo, fechando a prova em primeiro lugar com o melhor tempo do final de semana, quebrando o recorde da pista e sagrando-se bicampeão brasileiro na categoria.
Dennis fechou a prova em segundo lugar garantindo o vice-campeonato e na combinação de resultados Lincoln Almeida ficou com a 3ª posição.

O chassi ARC R10 foi o mais presente na final com os 10 melhores pilotos do Brasil (Cesar Salvadori, Lincoln Almeida e Fabricio Zamperetti). A eletrônica LRP (ESC, motor e bateria) foi a principal escolha da grande maioria dos pilotos.

Resultado final categoria Superstock:

Campeão: Cesar Salvadori – ARC R10 / LRP Flow / LRP X20 10.5 / LRP 7500
2º lugar: Dennis Pickthall – Yokomo / ORCA
3º lugar: Lincoln Almeida – ARC R10 / LRP Flow / LRP X20 10.5 / LRP 7500
4º lugar: Fabiano Franco – Xray / Orion R10.1/ LRP X20 10.5 / ORCA
5º lugar: Willian Capitelli – Xray / LRP Flow/ LRP X20 10.5 / LRP 7500

Os pilotos Cesar Salvadori e Lincoln Almeida utilizaram a bolha BLITZ WRX em seus carros.

Confira abaixo algumas fotos do evento e os vídeos das finais da categoria Superstock:

Créditos das fotos: Luis Carlos Lima, www.hotestantes.com.br

Vídeos:

Final A1 Superstock


Final A2 Superstock

Final A3 Superstock

 

Setup ARC R10 – AARC, Santo André-SP, 13/04/2014

Setup utilizado por Cesar Salvadori na 1ª etapa do Campeonato AARC elétrico  10.5T.

Pista com grip médio p/ pneus de borracha.
Novos pneus LRP G36 utilizados com o novo aditivo Salvadori Racing Type-3.

Performance excelente durante todo o tempo de prova, com tempos de volta muito próximos do início ao fim, mostrando a consistência do balanço do chassi, pneus e aditivo.

Resultado: 1º lugar, melhor volta e recorde da pista.

Clique no link abaixo p/ baixar o setup em formato .pdf editável (funciona somente com Adobe Acrobat):
R102013_AARC_13-04-2014

Folha de setup em arquivo de imagem .jpg:
R102013_AARC_13-04-2014

Setup ARC R10 2013 – AARC 05/10/2013

Setup utilizado por Cesar Salvadori na 6ª etapa do campeonato AARC 2013. A prova foi realizada no novo traçado da pista.

Chassi perfeito nas tomadas de tempo, com o aumento da aderência durante o dia o carro começou a ter excesso de aderência em curva de alta. Apesar de controlável, o carro capotou por excesso de aderência nas 3 baterias finais. Provavelmente a combinação de alta aderência com um pouco de ondulação nas curvas de alta e o eixo blocado dianteiro são as razões pra isso acontecer. Ainda que isso seja controlável na pilotagem, será testado diferencial dianteiro (óleo 1.000.000, 2.500.000 e massa) com o objetivo de melhorar a estabilidade e tornar o carro mais dócil em curvas de alta.
Aditivo protótipo testado, fórmula sem odor nenhum. Procedimento utilizado:
1.) Limpeza dos pneus com limpa freio Wurth
2.) Aplicação do aditivo, aquecimento a 65ºC 20 minutos
3.) Limpeza do resíduo de aditivo com limpa freios
4.) Pneus novamente aquecidos a 45ºC para a largada da prova

Para baixar o setup clique no link abaixo (aquivo .pdf, utilizar o Adobe Acrobat Reader para visualização correta do arquivo):
R10-AARC-05-10-2013