3ª etapa BR 1:10 Onroad (Niterói-RJ), nós fomos e agregamos!

O rei do camarote recomenda: Burberry, Armani, Prada, Gucci e NOVAROSSI
O rei do camarote recomenda: Burberry, Armani, Prada, Gucci e NOVAROSSI

A terceira e última etapa do campeonato brasileiro 1:10 onroad 2013 foi realizada na pista da AARCN, em Niterói-RJ. Inicialmente agendada para a extinta pista de Indaiatuba-SP, a última prova do campeonato teve seu local alterado e a diretoria da pista se esforçou para preparar a pista e a estrutura da melhor forma possível, remodelando o traçado e reparando as imperfeições do asfalto na medida do possível.

Nossa equipe chegou na pista na 5ª feira a tarde, sob um calor fortíssimo de 39ºC. Sem muito tempo de sobra fizemos apenas um reconhecimento da pista, deixando a sexta-feira para os treinos. A pista mostrou-se bastante técnica e, devido às ondulações, a pista exigiu algumas modificações de ajuste de suspensão e embreagem.

Vista panorâmica da pista AARCN
O número de pilotos participantes foi baixíssimo, uma vez que o formato de 3 etapas costuma deixar poucos pilotos na disputa pelo título na última etapa. Na categoria Pro somente os pilotos Eduardo Dulac e Henrique Winik estavam na briga. Na categoria Light o campeonato era disputado por 4 pilotos. O evento também contou com a última etapa da categoria Masters, prova realizada no sábado, aberta para qualquer piloto inscrito no evento com idade acima de 35 anos. Além disso, esta etapa contou com uma corrida simples da categoria 1:10 elétrico, batizada de Grand Prix Febarc EP.

Grand Prix Febarc EP:

Com poucos pilotos, o clima de corrida foi amistoso. Cesar Salvadori liderou todos os heats, conquistando o GP, seguido pelo anfitrião Nilton Carlos e com Sandro “Nasa” completando o pódio após alinhar seu carro no grid somente no domingo, largando as finais em último lugar.

Pódio Grand Prix EPCampeão: Cesar Salvadori  –  ARC R10 / LRP Electronic
2º lugar: Nilton Carlos  –  Xray / LRP Electronic
3º lugar: Sandro “Nasa”  –  Capricorn / Tekin

 

 

Categoria Masters:

A disputado do título estava entre os pilotos Leandro Fares e Sandro “Nasa”. Leandro largou na pole seguido por Sandro.
A corrida que contou com apenas 7 pilotos na pista, acabou se definindo logo no início. Fábio Mencarelli perdeu um amortecedor ainda na segunda volta, levando 3 minutos para retornar. Antes mesmo do primeiro abastecimento, quando Sandro tentava uma aproximação seu carro quebrou na entrada da reta, praticamente abandonando a disputa pelo título. Também nos primeiros minutos, o carro de Leandro Fares perdeu a 2ª marcha, mas como a vantagem em relação aos demais pilotos era grande, Leandro optou por não trocar a coroa e levou o carro até o final, conquistando o campeonato da categoria Masters.

Resultado Masters 2013Campeão: Leandro Fares – Mugen / Capricorn
2º lugar: Sandro “Nasa” – Capricorn / Sirio
3º lugar: Fabio Mencarelli – KM Racing / Novarossi

 

 

Categoria Light:

Com baixo grid e a não realização de semifinais, o clima das tomadas de tempo foi mais “light”, sem a tensão normal para conseguir uma colocação entre os 4 primeiros. A disputa pela pole ficou entre os aspirantes a campeão Renato Tano e Rodrigo Cunha, com o primeiro levando a melhor. Os vencedores da primeira e segunda etapa, Christyan Nozawa e Marcos Piovezan também estavam na disputa do título.

A final de 45 minutos começou com Renato Tano se mantendo na liderança e Rodrigo Cunha perdendo algumas posições. Em grande recuperação, Rodrigo já era o novo líder da prova após 10 voltas, ampliando sua vantagem após o primeiro abastecimento, onde ganhou alguns segundos no box.  Logo após o primeiro pit, o carro de Renato Tano ficou sem a engrenagem de 2ª marcha, mesmo assim o piloto se manteve na pista, e com uma estratégia de abastecimento de 6 minutos ainda havia possibilidades de vitória. A prova se estendeu dessa forma, com Rodrigo Cunha administrando sua vantagem e Renato Tano sacrificando seu motor e acelerando o que podia na 2º posição. Algumas voltas atrás Christyan vinha na 3ª posição e bastaria uma quebra de um dos líderes para o vencedor da primeira etapa conquistasse o campeonato. Aos 39 minutos de prova, Renato comete um erro e seu carro apaga. Tudo parecia definido, Rodrigo Cunha agora com 3 voltas de vantagem apenas contava os metros para ser campeão, mas a corrida ainda reservava surpresas! A cerca de 3 minutos para o final, o motor de Renato Tano começou a dar falta, forçando o piloto a controlar o carro muito lentamente para evitar uma quebra. As últimas voltas foram de muita apreensão, com o campeonato podendo passar de Rodrigo para Christyan a qualquer momento, mas o piloto local Renato Tano conseguiu terminar a prova na segunda posição. Rodrigo Cunha finalmente conquistou sua primeira vitória nas pistas, com certeza com um gosto ainda mais especial, já que lhe valeu o título de campeão brasileiro cat. Light 2013!!

Resultado Geral Light 2013Campeão: Rodrigo Cunha – KM Racing / Novarossi / Contact Tyres
2º lugar: Renato Tano – Mugen / Novarossi
3º lugar: Christyan Nozawa – Mugen / Capricorn

 

 

Categoria Pro:

A categoria Pro era uma disputa particular entre Henrique Winik e Eduardo Dulac, uma vez que somente os dois pilotos mantinham chances de levar o campeonato. Para Eduardo Dulac a pole position era muito importante em caso do campeonato empatar por pontos, mas Henrique não tomou conhecimento e mostrou autoridade ao emplacar a pole position com larga vantagem. Eduardo Dulac conseguiu alinhar o carro em segundo lugar, seguido de muito perto por Cesar Salvadori, ainda buscando o melhor acerto de seu carro.

Pilotos categoria Pro
Com o grid esvaziado a categoria Pro também não realizou semifinais. A primeira volta da prova foi tumultuada e praticamente selou o destino do campeonato. Eduardo Dulac tocou uma zebra, desequilibrando seu carro e cedendo a posição para Cesar Salvadori. na tentativa de recuperar a posição na curva seguinte, Dulac tocou em Cesar e seu carro ficou apontado para o pelotão que vinha atrás. Com um link de direção danificado Dulac praticamente abandonou a disputa pelo título logo no início. Nos primeiros minutos Cesar Salvadori iniciou uma perseguição pra cima de Henrique, e após o primeiro pitstop conseguiu a ultrapassagem. A liderança porém durou muito pouco, Cesar cometeu um erro danificando a suspensão dianteira e perdendo 4 voltas para reparar, voltando à prova na 8ª posição.  Henrique somente administrava sua vantagem e corria contra os 40 minutos restantes de prova, que o separavam do bicampeonato brasileiro. Sandro “Nasa” e Leandro Fares seguiam em segundo e terceiro lugares. Cesar Salvadori recuperou posição por posição, mas ao descontar a volta de desvantagem em relação à Sandro, acabou batendo em seu carro, sofrendo um stop and go e forçando Sandro a parar para reparar seu carro voltas depois.  Mesmo com a punição Cesar manteve o ritmo até assumir a segunda posição, com 4 voltas de desvantagem devido à quebra, porém com estratégia de não trocar pneus, o que ainda lhe dava alguma chance de vencer a prova.
Já no final da prova Henrique  realizou uma troca dos pneus externos e cometeu um erro, fazendo com que seu motor apagasse, reduzindo sua vantagem para pouco mais de uma volta. Mas logo em seguida Cesar deixou seu motor apagar após um abastecimento, devolvendo a vantagem de 3 voltas à Henrique, que cruzou a linha de chegada em primeiro lugar, conquistando o título da categoria Pro. Eduardo Dulac parou aos 36 minutos com problemas mecânicos, ficando com o vice-campeonato, e Cesar Salvadori ficou com o 3º lugar no campeonato ao finalizar a etapa na segunda colocação.

Result geral 2013, PROCampeão: Henrique Winik – Mugen / Novarossi
2º lugar: Eduardo Dulac – Shepherd / Max
3º lugar: Cesar Salvadori – KM Racing / Novarossi / Contact Tyres

 

 

O campeonato se encerrou com um pouco de marasmo devido ao baixo grid que tivemos nessa última etapa. Fica a expectativa de que algumas mudanças tornem a participação de um maior número de piloto em 2014 mais viável.

Para nossa equipe o saldo foi muito positivo, motores Novarossi campeões nas 2 principais categorias, e o chassi KM Racing no pódio de todas as categorias e com o título da categoria light.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *