Retrospectiva’15: Campeonato Brasileiro 1:10 Nitro

Equipe SR !Em setembro de 2015 foi realizado o Campeonato Brasileiro 1:10 Nitro, na pista da AARC do ABC, em Santo André-SP.
A má fase da economia no país e uma confusão de datas promovida por um evento marcado na mesma data sem o consentimento inicial da FEBARC, gerou a antecipação do campeonato brasileiro e a ausência de alguns participantes.

Apesar de tudo, muitos dos melhores pilotos do país lá estavam, incluindo o campeão de 2014, Flavio Elias, o campeão sul americano 2015, Rafael Viveiros e o multicampeão Eduardo Dulac, que viajou do RS para SP para prestigiar a prova.

O campeonato foi disputado nas categorias Turismo e Open, está última contando com os pilotos mais velozes da categoria 1:10. Além disso também foi realizada a tradicional disputa da Masters, com um combinado de pilotos acima de 35 anos.

Qualifying

Na categoria Turismo, Rafael Lima (KM Racing / O.S. Speed / Contact / Flashpoint Fuel) cravou a pole mas não teve sossego com Marcos Piovezan (Xray / O.S. Speed / Contact) seguindo-o de perto.

Na categoria Open, os treinos indicavam que a disputa da pole ficaria entre Cesar Salvadori (KM Racing / O.S. Speed / Contact / Flashpoint Fuel) e Fabricio Zamperetti (KM Racing / O.S. Speed / Contact / Flashpoint Fuel), com ambos voando baixo e quebrando o recorde da pista, virando na casa de 15.6s!
Na ”hora do vamo vê”, Fabricio foi impecável e garantiu a pole. Flavio Tamashiro (Mugen / Nova) surpreendeu e com regularidade alinhou em 2o lugar e Flavio Elias (Shepherd / Nova) chegou num melhor acerto do chassi e alinhou em 3o.

Finais

A categoria Masters, realizada no sábado ao final das tomadas, foi dominada por Sandro Giorgy (Mugen / XRD), que mesmo com uma pane seca recuperou-se e venceu sem maiores dramas.

Na categoria Turismo, a corrida foi mais movimentada. No início Marcão Piovezan tomou a liderança e com uma pilotagem perfeita vendeu muito caro a posição para Rafael Lima. Mais adianta na corrida, Rafael sofreu uma pane seca, perdendo novamente a liderança, mas com um ritmo muito forte durante toda a prova, recuperou o 1o lugar e fechou a prova com quase 1 volta de vantagem sobre Marcos Piovezan, seguido de Anderson Becheli na 3a posição

Campeão: Rafael Lima – KM Racing / O.S. Speed / Contact / Flashpoint Fuel
2o lugar: Marcos Piovezan – Xray / O.S. Speed / Contact
3o lugar: Anderson Bechelli – KM Racing / O.S. Speed / Contact

Na categoria Open, a emoção durou quase toda a prova. Logo na largada (re-largada, após problemas na cronometragem na primeira largada), Flavio Elias e seu inconfundível estilo agressivo foi pra cima de Fabricio e assumiu a liderança. Com poucas voltas Flavio liderava, pressionado por Fabricio e com Cesar, vindo da 8a para a 3a posição. Flavio abandona a problema com problemas mecânicos e deixa o caminho livre para Fabricio. Após alguns minutos Cesar se aproxima e após a primeira parada de abastecimento, Cesar assume a liderança. Com um traçado veloz e sem muita dificuldade, o grande desafio da era administrar a pilotagem com a altíssima aderência da pista e após um erro aqui e outro ali, Cesar e Fabricio alternavam a liderança em diversos momentos. Já na metade da prova, com pneus menores e forte calor, Cesar começa a perder rendimento em seu motor e dá uma folga a Fabricio. Com cerca de 8 segundos de vantagem e uma parada a menos prevista, a corrida fica na mão de Fabricio, mas restando 15 minutos Cesar decide parar e reajusta a carburação, voltando a pista num ritmo muito forte. O calor e o desgaste de pneus valia para todos e nos últimos 10 minutos de prova quem sofre com perda de rendimento é Fabricio, que para também para reajustar a carburação e acaba perdendo tempo no pitlane. Neste momento já não há mais vantagem de Fabricio para Cesar, que tira décimos volta após volta e na penúltima parada para reabastecimento assume a liderança com um pit perfeito de seu mecânico Alê Kimura para não mais perde-la. Fabricio cruza a linha de chegada poucos segundos depois na 2a colocação, seguido por Rafael Viveiros, 4 voltas atrás.

Campeão: Cesar Salvadori – KM Racing / O.S. Speed / Contact / Flashpoint Fuel
2o lugar: Fabricio Zamperetti – KM Racing / O.S. Speed / Contact / Flashpoint Fuel
3o lugar: Rafael Viveiros – Mugen / O.S. Speed 

Créditos das fotos: Berton Shots https://www.facebook.com/bertonshots 

A corrida foi uma grande sucesso para nossa equipe, com vitória em 2 categorias e domínio pleno dos chassis KM Racing, motores O.S. Speed, pneus Contact e combustível Flashpoint.

Os resultados da prova podem ser acessados através do link abaixo:
http://www.myrcm.ch/myrcm/main?pLa=pt&hId[1]=arv&dFi=febarc&dId[E]=22632

Segue abaixo o setup utilizado por Cesar Salvadori na corrida:

K1MV_BRASILEIRO_2015 K1MV_BRASILEIRO_2015

Esta entrada foi publicada em Notícias, Sem categoria e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *